Centro Intensivo de Combate ao Corona Vírus de Camaçari, modelo a ser seguido

Postada em 27 de agosto de 2020 as 11:57
Compartilhe:


O Centro Intensivo de Combate ao Coronavírus de Camaçari apresenta boas condições de atendimento ao paciente e de ambiente de trabalho para a equipe médica. Apesar de um pequeno problema de atraso salarial ocorrido esse mês, a empresa gestora, IGH, através do seu representante, Francisco Lessa, afirma que tudo estará normalizado em poucos dias.

A unidade apresenta, hoje, uma ocupação de 57% dos seus leitos, 12 ocupados e 9 livres. Logo na entrada do centro intensivo é possível ver um painel, confeccionado pelos funcionários, comemorando as 100 vidas salvas desde o começo da operação da unidade. Durante a visita do Sindimed foi informado, ainda, que mais dois pacientes haviam sido extubados.

Os colegas que atuam na unidade informaram que não existem, nesse momento e já a mais de dois meses, problemas com falta de EPIs. Nesse centro trabalham dois plantonistas e um diarista por turno. Todos os médicos são contratados da IGH como pessoa jurídica. O gestor da unidade afirma que houve uma grande proteção da equipe com poucos adoecimentos. Além disso, os profissionais que adoeceram puderam ter seus plantões pagos por um período de 14 dias.

Algumas novidades puderam ser constatadas no covidário de Camaçari. Uma equipe multi disciplinar, inclusive com psicólogos, atende tanto os pacientes como seus familiares durante o internamento e no pós internamento. É oferecida, também, uma plataforma de vídeo conferência, assim os familiares podem visitar remotamente os pacientes, diminuindo um dos dramas dessa doença que é o isolamento total do doente. Além disso, Existe um quadro remoto de monitoramento da UTI onde os médicos, paramédicos e enfermeiros conseguem ter uma visão geral com todos os dados do paciente numa tela remota. Isso diminui o risco do adoecimento desses profissionais. O Sindimed acredita que outras unidades deveriam ser estimuladas a adotar esse modelo que a IGH implantou nessa unidade.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Seguro Saúde

Perdeu seu posto de trabalho?

COVID-19 EPIs

Denuncie quem não paga:



Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2019 Todos os direitos reservados.