Comissão do Senado rejeita projeto de reforma trabalhista

Postada em 20 de junho de 2017 as 16:16
Compartilhe:


Uma reviravolta surpreendeu os governistas e foi rejeitado por 10 votos contrários e 9 favoráveis o relatório ao projeto da reforma trabalhista (PLC 38/2017). A notícia é positiva para os sindicatos, pois é bom lembrar que o conselho de peritos da Organização Internacional do Trabalho (OIT) condenou a possibilidade de se colocar o que for negociado entre patrão e empregado acima do que prevê a lei.

O parecer aprovado pela comissão nesta terça-feira (20) foi o voto em separado do senador petista Paulo Paim (do RS) e que pede a rejeição integral do texto. A matéria agora segue para Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), e já na quarta-feira (21), deverá ser lido o relatório de Romero Jucá (PMDB-RR) e os prováveis votos em separado da oposição. Clique AQUI e continue lendo no portal do Senado Federal.

Painel mostra em vermelho a vitória apertada do "não" (foto Marcos Oliveira/ Agência Senado)

Painel mostra em vermelho a vitória apertada do “não” (Foto Marcos Oliveira/ Agência Senado)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.