Covid-19: informes epidemiológicos da Bahia e Salvador

Postada em 17 de maio de 2021 as 15:54
Compartilhe:


Na Bahia, até o dia 15 de maio de 2021, tivemos 952.796 casos confirmados de COVID-19, sendo que 17.707 ainda estão ativos enquanto 915. 258 são considerados curados e 4.204 são médicos. O número total de internados com a doença nas Unidades Públicas de Referência, no dia supracitado, é de 2.462, sendo 1.294 em UTI e 1.168 em leitos clínicos.

A taxa de ocupação de leitos públicos disponíveis para COVID-19 em 15.05.2021 é de 71%. Dentre as vagas para adultos os leitos de enfermaria se encontram com 64% de ocupação enquanto a UTI tem taxa de 80%. A ocupação de leitos pediátricos se encontra em 63% dos leitos clínicos e em 72% na UTI.

Números de Salvador

O total de casos na capital é de 198.991, desses 96% estão recuperados. No período entre 01.05.2021 e 15.05.2021, nas Unidades Públicas de Referência para COVID-19, em Salvador, a taxa de ocupação de leitos de UTI adulto variou entre 72 e 77% enquanto a pediátrica ficou entre 52 e 67%.

Os bairros com maior incidência de casos confirmados são Pituba, Pernambués, Brotas, Itapuã e Fazenda Grande do Retiro.

Veja abaixo os números completos

ATUALIZAÇÃO DE DADOS DA COVID-19 NA BAHIA ATÉ 15.05.2021

QUADRO GERAL:
Casos confirmados: 952.796
Ativos: 17.707
Curados: 915.258
Casos Internados: 2.462
Casos em UTI: 1.294
Casos em Leitos clínicos: 1.168
Óbitos: 19.831

ACOMPANHAMENTO DE NOVOS CASOS:
Novos casos confirmados: 4.043
Novos casos suspeitos: 7.993
Novos casos curados: 3.866

ACOMPANHAMENTO DE CASOS EM PROFISSIONAIS DE SAÚDE:
Total de confirmados: 48.225
Médicos: 4.204
Recuperados: 47.931

ACOMPANHAMENTO DOS ÓBITOS:
Total: 19.831, sendo que desses 6.303 foram de residentes em SALVADOR.
Taxa de letalidade: 2,08%
Com comorbidades: 12.634 (63,71%)

ACOMPANHAMENTO DE LEITOS DISPONÍVEIS E TAXAS DE OCUPAÇÃO NAS UNIDADES PÚBLICAS DE REFERÊNCIA PARA A COVID-19 NA BAHIA EM 15.05.2021
3.463 (taxa de ocupação de 71%)
Enf. adulto: 1.772 (taxa de ocupação 64%)
Enf. pediatria: 67 (taxa de ocupação 63%)
UTI adulto: 1.588 (taxa de ocupação 80%)
UTI pediatria: 36 (taxa de ocupação 72%)

SITUAÇÃO DA VACINAÇÃO NA BAHIA ATÉ 15.05.2021
Doses recebidas: 5.683.440
Doses aplicadas:
1ª dose – 2.950.567 (19,76%);
2ª dose – 1.324.506 (8,87%)

DESTAQUES
O Laboratório Central de Saúde Pública Professor Gonçalo Muniz (LACEN-BA) concluiu 225 sequenciamentos genéticos em pacientes com Covid-19 residentes em 88 municípios baianos e confirmou a dispersão de variantes mais agressivas. Foram detectadas 21 linhagens em circulação na Bahia, entre elas oito cepas e três variantes de atenção apontadas pelo Ministério da Saúde: a P.1 (Manaus), P.2 (Rio de Janeiro) e B.1.1.7 (Reino Unido). O boletim divulgado nesta sexta-feira (14), que analisa casos de abril deste ano, confirma a predominância das variantes mais agressivas em toda a Bahia, sobretudo, a P.1.
Segundo a OMS, em 14.05.2021, as variantes do vírus SARS-CoV-2, que causa a COVID-19, são esperadas no processo de evolução e adaptação do vírus e 37 países e territórios confirmaram a presença de uma ou mais das quatro variantes de preocupação. Quatro delas foram detectadas nas Américas: P.1 (originada no Brasil), 1.1.7 (originada no Reino Unido), B.1.351 (originada na África do Sul) e B.1.617 (originada na Índia).
“Embora algumas (variantes de preocupação) tenham demonstrado uma capacidade aprimorada de se replicar e transmitir, elas não são mais agressivas ou graves”, afirmou Mendez, assessor regional para Doenças Virais da OPAS; também disse que, “até o momento, não há evidências suficientes para inferir que as vacinas disponíveis atualmente não funcionam contra essas variantes”.

ATUALIZAÇÃO COVID-19 EM SALVADOR ATÉ 15.05.2021
1. Total de casos confirmados: 198.991
Total de óbitos: 6.303
2. Foram registrados 667 novos casos e 20 óbitos nas últimas 24 horas; nesse mesmo período, o percentual de crescimento de casos foi de 0,34% e, nos últimos 5 dias foi de 1,61%
3. Dentre os casos confirmados, 96% estão recuperados;
4. Os 10 bairros com maior número de casos confirmados são Pituba, Pernambués, Brotas, Itapuã, Fazenda Grande do Retiro, São Marcos, Liberdade, Santa Cruz, São Cristóvão, Cabula.
5. Em 15.05.2021, encontram-se internados 1.092 pacientes nas Unidades públicas de Referência para a COVID-19 em Salvador; desse total, 718 (66%) tiveram confirmação da doença.
6.Variação das taxas de ocupação nas Unidades Públicas de Referência para a COVID-19 em Salvador, entre o dia 01.05.2021 e 15.05.2021:
Enfermaria adulto: entre 62 e 69%
Enfermaria pediatria: entre 57 e 84%
UTI adulto: entre 72 e 77%
UTI pediatria: entre 52 e 67%

COMPARAÇÃO DO TOTAL DE PACIENTES INTERNADOS NAS UNIDADES PÚBLICAS DE REFERÊNCIA PARA COVID-19 EM SALVADOR, NOS DIAS 15 DE ABRIL E 15 DE MAIO DE 2021

15.04.21 15.05.21
Leitos clínicos              476 461
Leitos UTI adulto         619 587
Vent. mecânica             317 291
Leitos pediatria               27 27
Leitos UTI ped                 15 17
Total internados         1.137 1.092
% confirmados           61% 66%

FONTES:
bi.saude.ba.gov.br/transparencia
informe.salvador.ba.gov.br/coronavirus

https://www.paho.org/pt/noticias/14-5-2021-variantes-virus-sao-esperadas-mas-vigilancia-deve-continuar-monitorando

http://www.saude.ba.gov.br/2021/05/14/lacen-ba-conclui-225-sequenciamentos-geneticos-em-pacientes-com-covid-19-e-confirma-a-dispersao-de-variantes-mais-agressivas/

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Seguro Saúde

Vacinação

Perdeu seu posto de trabalho?

COVID-19 EPIs

Denuncie quem não paga:




Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2019 Todos os direitos reservados.