Dia nacional de prevenção e combate à surdez

Postada em 10 de novembro de 2020 as 08:24
Compartilhe:


Nas grandes cidades, a poluição sonora faz parte da nossa rotina. Carros, ônibus, construções, música alta tudo isso representa um risco sério à nossa audição. Por mais que o cérebro se acostume com todo esse barulho, as estruturas do ouvido não ficam imunes. A exposição prolongada ao excesso de ruído pode provocar danos às células do ouvido, resultando em perda auditiva, comumente chamada de surdez.

Pensando em dar visibilidade a esse problema, o 10 de novembro foi reservado como Dia Nacional de Prevenção e Combate à Surdez. A data comemorativa foi instituída como símbolo de luta pela educação, conscientização e prevenção para os problemas advindos da surdez. O Sindimed-BA se junta a esse esforço e ressalta a importância da educação como forma de prevenir a surdez e ajudar a quem possui alguma deficiência auditiva na sua busca por ajuda médica.

De acordo com pesquisa do Ministério da Saúde, datada de 2013, 1,1% da população do Brasil possuí alguma perda auditiva. A população brasileira possui, aproximadamente, 5,8 milhões de pessoas com algum grau de surdez.

A audição é formada por um sistema de canais que conduz o som até o ouvido interno, onde essas ondas são transformadas em estímulos elétricos e enviadas ao cérebro, órgão responsável pelo reconhecimento daquilo que se ouve.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Seguro Saúde

Perdeu seu posto de trabalho?

COVID-19 EPIs

Denuncie quem não paga:



Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2019 Todos os direitos reservados.