Empenho do Sindimed garante recuperação de pagamentos a médicos de Candeias

Postada em 17 de julho de 2017 as 19:12
Compartilhe:


Mais uma atuação do Sindimed surte efeito e favorece os médicos. Depois de avançar, através de acordo judicial, na recuperação das pendências salariais da Prefeitura de Candeias com o pessoal do Hospital Ouro Negro – referentes a dezembro de 2015 -, agora serão pagos também os atrasados de dezembro de 2016 e janeiro de 2017, dos médicos que trabalhavam na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Em audiência de mediação no Ministério Público do Trabalho (MPT), nesta segunda-feira (17), foi feito um acordo envolvendo a Prefeitura de Candeias, a empresa Humanizar e a Cooperativa Mais Vida, para garantir os pagamentos pendentes do pessoal da UPA.

Também está em vias de negociação a diferença dos salários dos médicos do Posto de Saúde Luiz Vianna. Os pagamentos, entre os meses de janeiro e junho, vinham sendo feitos a menor e precisam ser atualizados.

Só não foi possível, ainda, fechar o acordo porque essa mudança no valor dos salários precisa ser feita através de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) e, para isso, é necessário que o Sindimed faça uma denúncia que formalize um processo investigatório.

O Sindicato vai se reunir com a Secretaria de Saúde de Candeias para acordar os valores que servirão de base para o TAC.

Representando o Sindimed, na audiência deste dia 17, no MPT, estiveram o presidente Francisco Magalhães, o vice Luiz Américo e a advogada da entidade, Cláudia Bezerra.

reuniao-mpt-acordo-candeias

Audiência no MPT, nesta segunda, dia 17, foi mais um avanço nas negociações
em prol dos médicos de Candeias


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.