Enquanto na Bahia…

Postada em 22 de abril de 2021 as 13:47
Compartilhe:


O Governador Renan Filho (Alagoas) garante 4.52% em reposição salarial a todos os servidores públicos estaduais, a partir maio. O anúncio aconteceu nesta terça-feira (20), incluindo a quarta e última faixa salarial dos funcionários, que passam a receber seus proventos no mês trabalhado.
Enquanto na Bahia, o plano do governo é substituir empregos em CLT pela modalidade de Pessoa Jurídica (PJ), ameaçando demissões, desligamento dos vínculos CLT e o assédio moral que nossa categoria se encontra. Impactando também nos pacientes, que tanto precisam de serviços públicos de qualidade na área de saúde. Além disso, 08 anos sem, sequer a reposição da inflação.
Esse verdadeiro ataque de precarização, perpetrado pela Sesab, atinge um quadro de aproximadamente 800 postos de trabalho que, além dos direitos trabalhistas, perderão também receita, na medida em que serão forçados a arcar com despesas geradas pelas mudanças contratuais. Vale ressaltar o risco de desassistência à saúde, da nossa população.
Seguimos firmes em nosso Movimento em Defesa dos Empregos e da Dignidade do Trabalho Médico.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Saúde mental

Seguro Saúde

Vacinação

Perdeu seu posto de trabalho?

COVID-19 EPIs

Denuncie quem não paga:




Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2019 Todos os direitos reservados.