Sindimed acompanha de perto processo da GID dos médicos da Sesab

Postada em 23 de setembro de 2020 as 16:03
Compartilhe:


O Sindimed obteve vitória judicial sobre o Governo do Estado, em processo no qual a Justiça reconheceu o direito dos médicos que trabalhavam com jornada normal de 20h semanais, ou 24h no regime de plantão, a receberem o valor mínimo estipulado no Anexo V da Lei Estadual nº 11.373/09, ou seja, R$2.331,08, regularizando o pagamento da GID (Gratificação de Incentivo ao Desempenho), a partir de fevereiro de 2009, pagando a diferença devida, acrescida de juros de 0.5% ao mês. A tramitação processual segue e está sendo acompanhada de perto pelo Sindicato, porém foi afetada pelas questões relacionadas aos trabalhos do judiciário durante a pandemia.

A Sesab (Secretaria de Saúde da Bahia) havia apresentado, na ocasião, uma lista com 386 médicos, contratados a partir de 2009, que teriam direito ao pagamento da GID. Diligência do departamento jurídico do Sindimed, perante a Sesab, apurou, porém, que na verdade seria um total de 3.058 médicos com direito ao valor determinado pela Lei e garantido pela Justiça.

No dia 28 de junho de 2018, o Sindimed apresentou o cálculo complementar ao já existente, contemplando todos os médicos relacionados como beneficiários da ação. Assim que o Fórum retomar os trabalhos, haverá nova reunião de acompanhamento sobre o tema e todas as informações serão compartilhadas com a classe.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Seguro Saúde

Perdeu seu posto de trabalho?

COVID-19 EPIs

Denuncie quem não paga:

Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2019 Todos os direitos reservados.