• Sindicato dos médicos
    Sindimed Sindimed

    Médicos UPA Escada: convocação para apresentar notas fiscais para execução de processo judicial

    Postada em 7 de março de 2018 as 11:44
    Compartilhe:


    Todos os médicos que trabalharam na UPA de Escada durante a gestão da ProSaúde estão convocados para apresentar as notas fiscais e procuração individual a fim de que sejam calculados os valores referentes ao processo trabalhista de reconhecimento de vínculo. A decisão judicial foi proferida pelo Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região no bojo de uma Ação Civil Pública – ACP interposta pelo Sindimed. No autos do processo de nº 0000840-19.2015.8.05.0002 foi reconhecido o vínculo empregatício entre os médicos e a empresa PRO SAÚDE – ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E HOSPITAL.

    As copias das notas fiscais devem corresponder a todo o período trabalhado desde setembro/2014 e devem ser entregues na sede do Sindimed junto com uma procuração individual.

    Baixe aqui o modelo de procuração

    Processo é desdobramento da mobilização dos médicos da UPA de Escada

    A mobilização dos médicos da UPA de Escada por melhores condições de trabalho e reajuste salarial se deu através de uma greve com duração de mais de 30 dias no ano de 2015, com total apoio do Sindimed. Após um acordo no Tribunal Regional do Trabalho, o movimento paredista foi suspenso. Menos de uma semana após o fim da greve, nove médicos foram sumariamente demitidos, alguns deles durante o cumprimento da jornada de trabalho, numa demonstração clara do ânimo de retaliar, intimidar e demonstrar “força”. Na época, o Sindimed denunciou o fato através da imprensa e ao Ministério Público do Trabalho, que, após inquérito interno, acionou a Justiça do Trabalho que condenou a ProSaúde a pagar indenização de 150mil reais.

    Neste ínterim o Sindimed acionou a Justiça cobrando o reconhecimento do vínculo através do processo atual.

     



    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.