Nota de repúdio do Sindimed-BA

Postada em 26 de outubro de 2018 as 10:05
Compartilhe:


O Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia repudia a retaliação de que foi alvo a médica pediatra neonatologista Dra. Mayra Pinheiro. Ex-presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, ela vem, desde 2015, denunciando a precariedade de condições de pacientes no Hospital Geral de Fortaleza (HGF).

Dra. Mayra foi avisada, por telefone, nesta quinta-feira, de que não mais trabalhará no Hospital. A ligação para o aviso de dispensa foi feita por Dr. Osmiro Barreto, presidente da Cooperativa dos Pediatras, que intermedia a contratação dos médicos que atuam no HGF.  

A médica nos últimos anos tem denunciado o descaso com a saúde pública. Um dos vídeos postados por ela, demonstrando situações indigmas dos pacientes nos corredores, já teve mais de 50 mil visualizações e 1600 compartilhamentos.

A cirurgiã plástica Dra. Ana Rita de Luna Freire Peixoto, presidente do Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia, lastima o ocorrido. “É inadmissível que diante da exposição de situação de tal gravidade na saúde pública, a resposta seja o desligamento de uma profissional que contribuiu para chamar atenção da sociedade a respeito da problemática”, afirma a presidente do Sindimed-BA.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by Ajaxy

Denuncie quem não paga:

Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.