Nota oficial do Sindimed-BA  em repúdio à matéria da revista Superinteressante

Postada em 28 de junho de 2018 as 23:34
Compartilhe:


O Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia manifesta o estarrecimento da categoria diante da matéria de capa da edição de julho da Revista Superinteressante. A entidade  considera inaceitável o desserviço prestado pelo veículo de comunicação, ao imprimir um tom alarmista e sensacionalista na matéria intitulada “Erro Médico”.

Repudiamos a matéria,  considerando que tal condução jornalística incita pânico na população, além de levar à desconfiança e desqualificação de uma área profissional tão basilar para a coletividade.

Lastimamos que a linha jornalística sensacionalista adotada chame a atenção dos leitores para um conteúdo da revista da pior forma possível. A abordagem da matéria gera reais riscos de, na prática, as pessoas se distanciarem dos procedimentos médicos necessários, criando danos a sua saúde.

Afinal de contas, quem ou o que se ganha com a desqualificação  da Medicina? Não seria mais útil à coletividade que a revista utilizasse o caráter de serviço do jornalismo   para colocar em pauta assuntos que contribuíssem para a melhoria da saúde no Brasil?

A entidade considera que a referida revista outras vezes prestou, por meio do seu jornalismo, bons serviços à população. E lamenta profundamente que o veículo esteja agora menosprezando a influência que tem junto aos públicos, gerando abordagens potencialmente danosas para a população.

O Sindimed da Bahia ressalta que o trabalho do médico é necessariamente desenvolvido dentro de um contexto amplo de serviços de saúde. Estrutura que é composta, necessariamente, por um conjunto de recursos materiais e equipes multidisciplinares. Não ficando restrita aos médicos a responsabilidade pelos resultados gerados.

Lamentando profundamente os erros que já ocorreram na história da medicina, o Sindimed-BA defende que todos os melhores esforços têm que ser empreendidos pelos profissionais para um trabalho de excelência. Porém, considera inaceitável a abordagem da revista, tanto nos textos quanto nos elementos visuais publicados na matéria de capa.

O teor  da matéria concorre  para formar uma opinião generalizada e deletéria sobre os profissionais da Medicina, com uma linha de argumentação que só contribui para posturas hostis e violentas em relação aos médicos. O veículo, com essa matéria, foi deliberadamente injusto com os milhões de médicos que desenvolvem uma luta diária para exercer de forma digna o seu ofício em favor da população, apesar de todas as dificuldades encontradas.

Acreditamos que  a revista Superinteressante tem um grande potencial de prestação de serviço à população, mas que precisa ter, acima de tudo, um grande cuidado, responsabilidade e rigorosa atenção para que, no afã de atrair a atenção do público, não cometa desserviços perigosos à população.



4 respostas para “Nota oficial do Sindimed-BA  em repúdio à matéria da revista Superinteressante”

  1. Luciano Ferreira disse:

    Parabéns ao Sindimed pelo posicionamento!
    Como sindicalizado me sinto representado.
    Solicito ao sindimed que através do seu jurídico avalie entrar com uma ação de calúnia e difamação pleiteando danos morais e direito de resposta.

  2. Anna Amélia Rios disse:

    Parabéns, chega de colocar os pacientes contra os médicos, com reportagens alarmistas e mal intencionadas.

  3. Maria Cristina Gravatá de Menezes Barretto disse:

    Mais uma das tentativas de denegrir a imagem do Médico e profanar o exercício da Medicina. Certamente essa matéria tem embutidos interesses estranhos ao Bem Cuidar, Assistir, Respeitar , Proteger e Prover Alívio aos Pacientes que têm sua saúde agravada. Parabéns ao Sindimed pela divulgação dessa nota em defesa da minha classe, o Médico!

  4. Silvestre Sobrinho disse:

    A Revista posta matéria de cunho sensacionalista, equivocado e irresponsável. O Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia, por sua vez, representa-nos de forma firme, coerente e sensata.

    Somos quem faz a “assistência responsável”!

    Parabéns!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by Ajaxy

Denuncie quem não paga:

Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.