Planserv: insensibilidade do governo causa suspensão de cirurgias eletivas

Postada em 17 de abril de 2019 as 09:15
Compartilhe:


Diversas especialidades aderiram ao Movimento pelo Fortalecimento do Planserv. Ao todo, 15 áreas estão com as cirurgias eletivas suspensas em função da absoluta falta de sensibilidade do governo em respeitar e valorizar os profissionais que cuidam dos funcionários públicos da Bahia e seus familiares.

A mobilização dos médicos que atendem ao Planserv já provou sua efetividade. Tirou o governo da posição de absoluta intransigência, garantindo o caminho do diálogo. Os profissionais aguardam, agora, a mesa de negociação, marcada para o dia 30 de abril.

A empresa gestora do Planserv já concordou em analisar as particularidades de cada especialidade. Nesse sentido, estão sendo feitos os estudos sobre a atualização dos honorários.

O governo já negociou com os anestesistas e, agora, 15 especialidades cirúrgicas estão fazendo um levantamento comparativo dos reajustes necessários para atualizar tabelas cujas defasagens chegam a mais de 10 anos.

 

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Denuncie quem não paga:

Acompanhe o Sindimed:

    
  • [yop_poll id=”1″]

  • Enquete

    Novos Convênios

    O Sindimed está atualizando e ampliando sua carteira de convênios e parcerias.

    Participe dessa enquete fazendo sugestões de produtos e serviços que você gostaria de ver incluídos no Guia de Convênios do Sindicato.

    A exemplo de: Cursos, Escolas, Lojas,Restaurantes, Salões de Beleza, Postos de Gasolina etc...



  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.