Sindicato fará valer direitos dos médicos do Sagrada Família

Postada em 3 de outubro de 2019 as 20:08
Compartilhe:


Em assembleia, na noite da quarta-feira, 2 de outubro, os médicos que atuam no Hospital Sagrada Família discutiram pendências de pagamentos por serviços já prestados – alguns desde 2016 -, sobre os quais não há certeza de que serão quitados.

O Sindimed colocou a assessoria jurídica à disposição dos associados, que, durante a assembleia esclareceu várias dúvidas sobre os direitos que lhes são assegurados como prestadores de serviços (PJ) e deu orientações sobre os encaminhamentos a serem tomados. O principal deles é ajuizar as ações de cobrança contra o hospital, o mais rápido possível, para evitar a prescrição dos direitos dos médicos.

As pendências são as mais diversas, vão desde plantões até procedimentos, como partos, que simplesmente não foram pagos ou que – mais absurdo ainda -, o hospital tenta negar que foram realizados.

No que pese o sentimento de incerteza e de insegurança gerado pelo comportamento da gestão, a orientação aos médicos é continuar tentando a via negocial para os devidos recebimentos. Por outro lado, é muito importante que todos os serviços realizados sejam sempre documentados pelas vias disponíveis na estrutura institucional.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Denuncie quem não paga:

Acompanhe o Sindimed:

    
  • [yop_poll id=”1″]

  • Enquete

    Novos Convênios

    O Sindimed está atualizando e ampliando sua carteira de convênios e parcerias.

    Participe dessa enquete fazendo sugestões de produtos e serviços que você gostaria de ver incluídos no Guia de Convênios do Sindicato.

    A exemplo de: Cursos, Escolas, Lojas,Restaurantes, Salões de Beleza, Postos de Gasolina etc...



  • sindimed.com.br ©2019 Todos os direitos reservados.