Sindimed-BA denuncia na mídia o risco de desassistência à saúde

Postada em 31 de maio de 2019 as 12:46
Compartilhe:


A partir desta sexta, 31 de maio, a Bahia enfrenta grave risco de desassistência na área da saúde. Este é o alerta que vem sendo feito pelo Sindimed nas redes sociais e também junto à grande imprensa, através de releases, entrevistas etc. E para reforçar o alerta à população, o Sindicato publicou hoje, no jornal Correio da Bahia, uma nota informativa contendo essa preocupação dos médicos.

A nota publicada reitera que 221 médicos, lotados em hospitais e outras instituições ligadas à Sesab, em toda a Bahia, terão que deixar os seus postos de trabalho, sem que se tenha notícia de que outros tenham sido contratados por qualquer meio. Sendo assim, podem aumentar ainda mais as filas para atendimento, as macas em corredores de hospitais e outras mazelas que penalizam os usuários dos serviços de saúde do estado.

 

 

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Denuncie quem não paga:

Acompanhe o Sindimed:

    
  • [yop_poll id=”1″]

  • Enquete

    O Sindimed está atualizando e ampliando sua carteira de convênios e parcerias.

    Participe dessa enquete fazendo sugestões de produtos e serviços que você gostaria de ver incluídos no Guia de Convênios do Sindicato.

    A exemplo de: Cursos, Escolas, Lojas,Restaurantes, Salões de Beleza, Postos de Gasolina etc...



  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.