• Sindicato dos médicos
    Sindimed Sindimed

    Alayde Costa: médicos com salários atrasados em meio a impasse entre Sesab e ProSaúde

    Postada em 30 de janeiro de 2018 as 17:42
    Compartilhe:


    Os médicos do Hospital Alayde Costa, no subúrbio, estão sem receber os salários de novembro. A Prosaúde, empresa que administra a unidade, alega que a Sesab repassou valor abaixo do previsto em contrato, enquanto o ente público estadual afirma estar em dias. Na briga de versões, os profissionais sofrem com o desrespeito de ver um direito básico sonegado.

    O desrespeito é maior ainda ao se considerar que os demais funcionários estão recebendo agora o mês de dezembro, enquanto os médicos ainda não receberam novembro.

    O Sindimed notificará a Sesab e a Prosaúde, solicitando uma reunião, em caráter de urgência, com todas as partes afim de conseguir a regularização dos pagamentos o mais breve possível e, desde já, se coloca a disposição dos médicos para organizar uma greve.

    O vice-presidente do Sindimed alertou para os riscos da terceirização. “Na inauguração do hospital, a empresa terceirizada e o ente público estão de braços dados, posando para fotos. Quando o salário atrasa ninguém quer se responsabilizar e o trabalhador acaba pagando o pato. Independente disto vamos continuar cobrando as responsabilidades que, no nosso entendimento, são compartilhadas”, finalizou o sindicalista.



    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.