Feira de Santana

Postada em 9 de setembro de 2016 as 14:29

Diretoria regional do sindicato 2018-2022

Regional Feira de Santana: Volney Ribeiro dos Santos

Estrutura de Saúde: De acordo com dados do IBGE o município possui 148 estabelecimentos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

História

Em meados do século XVIII, os donos da Fazenda Sant’Anna dos Olhos D’Água, Domingos Barbosa de Araújo e Ana Brandoa, construiram uma Capela dedicada a Nossa Senhora Sant’Anna. Esta, por sua localização privilegiada, passou a ser ponto de referência para aqueles que trafegavam naquela região.No final do século, o desenvolvimento do comércio, em particular de gado, deu origem a uma feira, que acabou por se transformar em um centro de negócios. Com o grande número de feirantes, o povoado foi forçado a progredir. Ruas foram abertas, facilitando o trânsito; lojas começaram a aparecer em grande número; e, assim, foi chegando o progresso.
Em 1832, foram criados o município e a vila, com o território desmembrado de Cachoeira e constituído pelas freguesias de São José das Itapororocas, Sagrado Coração de Jesus do Perdão e Sant’Anna do Comissão (atual Ipirá).

ultimas noticias

  • Médicos sem salários no Hospital de Campanha Covid, em Feira ...

    Neste vídeo, de volta ao Hospital de Campanha de Feira de Santana (Mater Dei), a presiden[...] Saiba +
  • Feira de Santana: médicos estão sem salários no Hospital de ...

    De volta ao Hospital de Campanha de Feira de Santana (Mater Dei), a presidente do Sindimed[...] Saiba +
  • Sindimed-BA faz visita ao Hospital de Campanha de Feira de Sant...

    A presidente do Sindimed-BA, Dra. Ana Rita de Luna, fez uma visita ao Hospital de Campanha[...] Saiba +
  • Os médicos do Hospital de Campanha de Feira de Santana, administrado pela empresa S3, estão com os salários atrasados. O hospital é vinculado a Secretaria Municipal de Saúde daquela cidade. Segundo os médicos que trabalham no local, o último salário recebido foi referente ao mês de abril de 2021. Depois de muitos contatos sem resposta, a empresa S3 apresentou a proposta de pagar 50% em referência ao mês de abril, proposta considerada indecorosa pela categoria e imediatamente rechaçada. A categoria afirma que essa é apenas uma manobra para calar os médicos e, na prática, os atrasos continuam. Os profissionais prejudicados procuraram o Sindimed-BA e o Cremeb para intermediar a situação. O Sindicato dos Médicos da Bahia está acompanhando o caso e a presidente do sindicato, Dra. Ana Rita de Luna, já tem uma reunião de urgência com a empresa gestora do Hospital de Campanha marcada para hoje, 14/06. O Sindicato ressalta a necessidade de ajustar os contratos dos médicos sob regime de contratação por pessoa jurídica no sentido de prever multa e juros sobre salários atrasados. O Sindimed-BA espera resolver essa situação inaceitável da forma mais breve possível.

    Médicos do Hospital de Campanha de Feira sem salários desde a...

    Os médicos do Hospital de Campanha de Feira de Santana, administrado pela empresa S3, est[...] Saiba +
  • Justiça de Feira de Santana reconhece vínculo trabalhista no ...

    A Justiça do Trabalho de Feira de Santana reconheceu os vínculos trabalhistas dos médic[...] Saiba +
  • Médicos de Feira de Santana adiam paralisação marcada para e...

    Os médicos da UPA do Hospital Clériston Andrade, em Feira de Santana, decidiram adiar a [...] Saiba +

Saúde mental

Seguro Saúde

Vacinação

Perdeu seu posto de trabalho?

COVID-19 EPIs

Denuncie quem não paga:




Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2019 Todos os direitos reservados.