Assembleia: médicos de Juazeiro estão mobilizados em defesa da saúde na região

Postada em 1 de dezembro de 2020 as 20:20
Compartilhe:


Os médicos do Hospital Regional de Juazeiro (HRJ) fazem assembleia virtual na próxima terça-feira, 8 de dezembro, às 19h30, pela plataforma zoom. Veja, a seguir os pontos de pauta:

1- Pagamento de outubro e novembro do CLT.

2 – Pagamento das notas fiscais não pagas dos PJ.

3 – Pagamento das verbas rescisórias dos vínculos CLT.

4 – Manutenção dos postos de trabalho dos médicos da assistência.

5 – Readmissão dos especialistas demitidos (hematologistas e infectologistas) e outros profissionais.

6 – Assegurar o contrato na forma de CLT que é preferência da maioria.

7 – Assegurar os valores dos plantões hora praticados.

8 – Aprovar estado de assembleia permanente.

A organização dos trabalhadores médicos e não médicos do Hospital Regional de Juazeiro é fundamental neste momento. As investigações da Polícia Federal têm revelado a importância da transparência na gestão pública, especialmente quando essa função do Estado é terceirizada, sem que haja o devido controle social do patrimônio público.

Esta assembleia é somente para médicos, mas o Sindimed-BA tem feito interlocuções com outras categorias, no sentido de salvaguardar empregos, relações de trabalho e de garantir que a população não sofra com uma eventual desassistência.

Participar dessa assembleia é muito importante. Vidas e carreiras estão em jogo. A saúde precisa ser colocada sempre em primeiro lugar.

Os médicos do Hospital Regional de Juazeiro (HRJ) fazem assembleia virtual na próxima terça-feira, 8 de dezembro, às 19h30, pela plataforma zoom. Veja, a seguir os pontos de pauta: 1- Pagamento de outubro e novembro do CLT. 2 - Pagamento das notas fiscais não pagas dos PJ. 3 - Pagamento das verbas rescisórias dos vínculos CLT. 4 - Manutenção dos postos de trabalho dos médicos da assistência. 5 - Readmissão dos especialistas demitidos (hematologistas e infectologistas) e outros profissionais. 6 - Assegurar o contrato na forma de CLT que é preferência da maioria. 7 - Assegurar os valores dos plantões hora praticados. 8 - Aprovar estado de assembleia permanente. A organização dos trabalhadores médicos e não médicos do Hospital Regional de Juazeiro é fundamental neste momento. As investigações da Polícia Federal têm revelado a importância da transparência na gestão pública, especialmente quando essa função do Estado é terceirizada, sem que haja o devido controle social do patrimônio público. Esta assembleia é somente para médicos, mas o Sindimed-BA tem feito interlocuções com outras categorias, no sentido de salvaguardar empregos, relações de trabalho e de garantir que a população não sofra com uma eventual desassistência. Participar dessa assembleia é muito importante. Vidas e carreiras estão em jogo. A saúde precisa ser colocada sempre em primeiro lugar.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Seguro Saúde

Perdeu seu posto de trabalho?

COVID-19 EPIs

Denuncie quem não paga:




Acompanhe o Sindimed:

    


  • sindimed.com.br ©2019 Todos os direitos reservados.