• Sindicato dos médicos
    Sindimed Sindimed

    Campanha por valorização profissional cresce na região de Irecê

    Postada em 25 de janeiro de 2018 as 20:00
    Compartilhe:


    Em reunião com os médicos e médicas da região de Irecê, no dia 24 de janeiro, o presidente do Sindimed, Francisco Magalhães, teve a oportunidade de levar pessoalmente o apoio do Sindicato aos colegas que, neste momento, desenvolvem uma campanha pela valorização profissional e cobram dos gestores dos municípios um tratamento digno da saúde da população.

    Em assembleia, no Hospital Regional de Irecê, mais de 50 profissionais se posicionaram contra as contratações precárias na modalidade de Pessoa Jurídica (PJ), reivindicando concurso público ou minimamente que os vínculos empregatícios sejam através da CLT, com carteira assinada, o que não ocorre na maioria das cidades.

    Honrosa exceção é o município de João Dourado, onde todos os médicos são concursados, provando que é possível estruturar um serviço de saúde com a devida valorização profissional, segurança no emprego e, consequentemente, de melhor qualidade para a população. O exemplo deveria servir de modelo para as demais prefeituras.

    Desrespeito

    Lamentavelmente, há localidades, como a cidade de Central que não paga os salários há três meses. Os médicos relatam ainda os casos de demissão comunicada por telefone são frequentes, como ocorreu em São Gabriel, onde a médica Sara Lelis foi demitida dessa forma.

    No caso da Dra. Sara, ficou evidente o caráter retaliatório da dispensa, já que há três meses a médica esteve à frente de um movimento contra o rebaixamento dos salários e por melhores condições de trabalho nas UPAs daquele município.

    O caso da médica foi tratado em reunião com a secretária de Saúde de São Gabriel, Camila Freitas, também no dia 24, quando o presidente do Sindimed pleiteou a manutenção de todos os médicos em seus postos de trabalho, posicionando-se contra o edital de credenciamento anual dos profissionais através de vínculos precários como a pejotização.

    Providências

    A campanha pela valorização do trabalho e resgate da dignidade médica na região e Irecê é encampada também pelo Cremeb, que tem feito um amplo registro dos abusos cometidos contra o pleno exercício profissional.

    O Sindimed está encaminhando aos Ministérios Públicos do Estado e do Trabalho (MPE e MPT) uma apuração das ilegalidades que vêm sendo cometidas pelos gestores da saúde e, nesse sentido, sugere a criação de uma Força Tarefa na região para que a lei seja cumprida.

     



    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



  • sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.