• Sindicato dos médicos
    Sindimed Sindimed

    DICA CULTURAL: 8 SUGESTÕES SELETAS DE CULINÁRIA

    Postada em 15 de abril de 2016 as 09:06
    Compartilhe:


      

    Em poucas semanas, a Bahia vai receber mais uma rede de supermercados. Nela, no estado de São Paulo, encontra-se com facilidade e preço bom o pato PRONTO da melhor marca do Brasil em patos e marrecos, na sua versão Celebre. Claro, a firma se encontra em Santa Catarina, estado que sedia a Fenarreco (Festa Nacional do Marreco). Falamos da Villa Germania.

    Por que a ênfase na versão pronta? Pelo fato de que muitos poucos baianos sabem cozinhar patos e/ou marrecos. Assim, a peça saborosíssima de 3 quilos, que requer apenas a observância do tempo no forno, é nossa indicação para você entrar nesse nicho de comidinhas. A marca, de todo modo, já tem uma boa distribuição de seus outros produtos em nosso estado, pelo que nos informou um profissional da Villa Germania, que entrevistamos por telefone. Assim, sugiro que noss@s leitor@s peçam, nos locais aonde forem encontrados outros produtos da Villa Germania o pato Celebre.

    Detalhe: como todas as outras dicas aqui relatadas, eu paguei de meu próprio bolso.
    O pato, este ano, foi o prato principal de meu aniversário, e foi elogiado por todos os presentes.

    Há 2 anos, para minha alegria, o desconhecimento local da marca me permitiu comprar caixas de 600 gramas de uma farofa de marreco por menos de 3 reais a unidade!


    Faz pouco tempo, já se encontra em nosso estado a pimenta de Cayenna desidratada em embalagens que custam menos de 7 reais. Antes, só tínhamos a versão em pó.

    Com esta pimenta, fica fácil fazer restovan krompir, uma batata muito apreciada nos Bálcãs e em especial na Sérbia.

    A receita é incrivelmente fácil. Cozinhe bem as batatas, salgue, separe. Numa frigideira, leve ao rubro cebolas bem cortadinhas em pedaços quase minúsculos. 

    Junte a pimenta de cayenna e agrade a todas as gerações de visitantes.

    Outras aportações recentes a nosso estado são os iogurtes doces de leite de ovelha com sabores de mirtilo, amora, damasco e outros, em potões de 500 gramas. Pelo pouco giro que a mercadoria deve ter de início, eu considero o preço que achei, R$ 9,15, bem razoável.


    Nosso xodó total, desta vez: os sorvetes da chegante marca Frutos de Goiás (alô, Bahia! copie esta ideia!), que exporta sabores do estado vizinho incrivelmente estimulantes, como pequi, cajamanga, buriti, cagaita, murici e araticum. Além de sabores 'tradicionais'. O preço da especiaria? Muito convidativos 4 reais por picolé na linha básica!

     

     


    A minha primeira bolação pessoal na cozinha foi passar uma espátula de paprika picante no queijo de coalho, logo depois de sair da grelha. Nunca mais perdi o gosto de inventar aqui e ali na culinária diária.

    A Bassi, sim, é uma marca cara pra chuchu, em geral. Mas em minha visita a sua loja física oficial em Salvador, acabei levando pra casa a embalagem com 10 (dez) linguiças de ovelha por 17 reais. Sabendo usar aos poucos, me parece que usei bem meu suado dinheirinho.


     

    Para concluir, sugiro adicionar a esta bela receita de Crema Catalana (que também é encontrável na versão pré-pronta na Bahia) um pouco de murtinhos (sim, sim, o sobrenome daquela soberba atriz) engarrafados. As deliciosas frutinhas vermelhas chegam aqui por pouquinho mais de 20 reais o pote de 125 gramas (drenado). Mas pela experiência que tivemos ontem, dá para usar em pelo menos cinco travessas bem fornidas de pudins ou doces afins. 

     

    *Texto e pesquisa de Marko Ajdaric.


    ICQ  694000225
    skype: Marko Ajdaric 


     



    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



    sindimed.com.br ©2016 Todos os direitos reservados.